OBatuque - Mostrando itens por tag: Lavagem do Sambódromo: teste de luz e som com atual campeã Mangueira

Lavagem do Sambódromo: teste de luz e som com atual campeã Mangueira

Publicado em Grupo Especial
Segunda, 17 Fevereiro 2020 03:48

Por Luis Leite

Fotos: Daniel Pinheiro e Danndara

Sob forte temporal, baianas de várias escolas de samba e mães de santo fizeram, neste domingo(16), a tradicional lavagem do Sambódromo, com muita água de cheiro, ervas, vassouras e defumadores abrindo segundo a crendice, os caminhos e abençoando a avenida para garantir boas vibrações e energias no Carnaval 2020. 

Debaixo d'água, o cortejo começou por volta das 20h, tendo à frente a imagem de São Sebastião, Padroeiro do Rio de Janeiro, conduzida em um carro cruzando a Marquês Sapucaí. A celebração contou com a presença de representantes de diversas religiões, casais de mestre-sala e porta-bandeira mirins e adultos, galerias das velhas guardas, ritmistas e integrantes de várias agremiações, além dos Blocos Filhos de Gandhi e Cacique de Ramos.  Sambas antigos e atuais foram cantados pelos intérpretes oficiais do Grupo Especial. Durante o evento, o cantor e compositor Neguinho da Beija-Flor recebeu uma homenagem da LIESA pelos seus 45 anos de carreira.

Mangueira pega a visão!

Após a cerimônia de lavagem da pista foi vez da Estação Primeira de Mangueira, campeã do carnaval 2019, fazer o teste de luz e som da passarela. Em busca do bicampeonato, a Verde e Rosa mostrou que está pronta para fazer um grande carnaval com o enredo “A verdade vos fará livre”, do carnavalesco Leandro Vieira. O tema aborda a uma crítica da biografia de Jesus Cristo, além de questionar o que Ele faria caso retornasse à terra no atual cenário de intolerância, preconceito, violência e perseguição no mundo. Sendo a única agremiação a ensaiar na Sapucaí, a escola teve uma boa interação com público,que mesmo depois da chuva permaneceu nas arquibancadas. O desfile foi marcado por muitas manifestações contra a atual gestão da prefeitura. Este ano por falta de patrocínio não houve ensaio técnico.

IMG 20200217 WA0069

A comissão de frente coordenada pelo casal de coreógrafos Priscilla Motta e Rodrigo não revelou a coreografia do desfile oficial, porém o grupo apresentou uma dança feita especialmente para lavagem.

E no olhar da porta-bandeira pro seu pavilhão

IMG 20200217 WA0072Devido a pista molhada o casal de mestre-sala e porta-bandeira, formado por Squel Jorgea e Matheus Olivério, teve um ótimo desempenho. Com muita elegância e sincronismo no bailado, os dois conseguiram desenvolver muito bem os movimentos.

IMG 20200217 WA0079

A soberana da Bateria Surdo Um, Evelyn Bastos, com todo seu requebrado, esbanjando beleza e muito samba no pé, veio representando Maria das Dores Brasil, em homenagem a todas as mães que tiveram seus filhos mortos por bala perdida nas favelas do Rio.   

 

 

 

 

Entrevistas

Cantor e compositor Rico Medeiros: "Nossa Senhora!"

Cantor e compositor...

Por Luis Leite Nascido em Niterói, Nilzo Medeiros, popularmente conhecido como...

Luiz Carlos Bruno: “Quero voltar a trabalhar para fechar o portão com sabor de dever realizado”

Luiz Carlos Bruno:...

Por Ricardo MaiaFotos: arquivo pessoal A paixão de Luiz Carlos Bruno...

Juarez Carvalho, o Titio das baianas da Tijuca

Juarez Carvalho, o...

Por Ricardo Maia Desde 1999 na Unidos da Tijuca, Juarez Carvalho...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Carnaval pelo Brasil

Ex Panicat Tânia Oliveira é a nova Madrinha de Bateria da Acadêmicos do Tucuruvi

Ex Panicat Tânia Oliveira é a nova Madrinha de Bateria da Acadêmicos do Tucuruvi

Na noite deste sábado (23), a escola de samba Acadêmicos do Tucuruvi, abriu as ...

 

icone instagram

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper