Wip lojas

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

http://templatesjoomla.com.br/
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

Samba da Feira agita Engenho de Dentro com Fundo De Quintal

Publicado em Grupo Especial
Quinta, 01 Agosto 2019 23:25
Samba da Feira agita Engenho de Dentro com Fundo De Quintal Foto/Divulgação

O evento gratuito semanal já reuniu mais de 12 mil pessoas por apresentação nos galpões e sempre traz grandes nomes do samba como convidados especiais. O evento, gratuito, começa às 17h, com o grupo "Seligaê", anfitrião da festa.

Sábado é dia de Samba da Feira – a roda de samba que ganhou o respeito de artistas como Belo, Reinaldo, Grupo Fundo de Quintal, Noca da Portela e Diogo Nogueira. O samba tem atraído famosos em busca de boa música e revelado novidades no gênero, tornando a atração uma tradição nos Armazéns do Engenhão, localizados na parte externa do Estádio Nilton Santos, no Engenho de Dentro. E para o evento do dia 3 de agosto, o convidado é o Grupo Fundo de Quintal: Os veteranos Bira Presidente, Sereno, Ubirany e Ademir Batera que agora contam com a pegada jovem dos novos integrantes: Márcio Alexandre e Júnior Itaguaí, trazem o melhor do melhor em samba de raiz para os Armazéns do Engenhão.

Quem já sambou à sombra da famosa tamarineira na quadra do Cacique de Ramos sabe bem o que se pode esperar: o samba de primeira em sucessos como "O show tem que continuar", "A batucada dos nossos tantãs", "Nosso grito", "Lucidez" e "E eu não fui convidado".

Grupo responsável por revelar grandes nomes do samba, nos últimos 40 anos, foi berço de Sombrinha, Arlindo Cruz, Jorge Aragão, Almir Guineto, Walter Sete Cordas, entre outros, o Fundo de Quintal surgiu no dia 20 de janeiro no final da década de 1970 dentro do bloco carnavalesco Cacique de Ramos, em Ramos, subúrbio da região da Leopoldina, na cidade do Rio de Janeiro. Naquela época, eles inovaram a maneira de falar do cotidiano e criaram estilo próprio ao utilizarem instrumentos até então incomuns nas rodas de samba, como o banjo com braço de cavaquinho (criado por Almir Guineto), o tantã (criado por Sereno), o repique de mão (criado por Ubirany).

Como surgiu o SAMBA DA FEIRA
A proposta do SAMBA DA FEIRA é valorizar o samba, os sambistas e quem não é ruim da cabeça, nem doente do pé. E foi justamente uma galera boa da cabeça e do pé que começou, de brincadeira, esse que virou um dos eventos de samba mais conhecidos e mais populares do Rio de Janeiro e do Brasil.

Foi na casa de Mário Castilho, na rua Teresa Cavalcante, em Piedade, que tudo começou. Todo sábado, dia de feira na rua, ele costumava acordar cedo, preparar uns camarões, chamar os amigos e ouvir um bom samba no quintal, enquanto acompanhava o movimento da feira. Teve, então, a ideia de comprar um barril de chope e deixar as portas da garagem abertas para quem quisesse parar e curtir o samba. Surgia assim o Samba da Feira, que estreou no dia 14 de maio de 2016. O barril logo virou vários, tiveram de providenciar espaço para os barraqueiros e para a galera que só aumentava a cada sábado. Não demorou para o samba, que ia das 10h às 16h, virar febre e atrair público do bairro e das adjacências.

O evento cresceu muito, e vieram os problemas: reclamações de vizinhos por causa do barulho, reclamações dos feirantes... Mário e os amigos foram conversar com o administrador regional da XIII R.A. e receberam a oferta de fazer a roda nos Armazéns do Engenhão, localizados na parte externa do Estádio Nilton Santos. E foi lá que o SAMBA DA FEIRA passou a acontecer todo sábado, a partir do dia 3 de dezembro de 2016.

"Quando fomos para Engenhão, nossa preocupação era não perder a essência do SAMBA DA FEIRA", explica Mário Castilho. Eles conseguiram. Nosso samba mais genuíno segue firme e forte.

Os convidados
Ainda no quintal, o SAMBA DA FEIRA já recebia artistas, mas foi nos Armazéns do Engenhão que o evento passou a convidar sambistas de peso. O primeiro foi Toninho Geraes. Para bancar o cachê, os amigos se arriscaram e correram atrás na divulgação: usaram mídias sociais, firmaram parceria com emissora de rádio, e, de lá para cá, o samba se propagou. Toninho Geraes abriu porta para Xande de Pilares, que elogiou o evento em seus stories no Instagram, e pronto!

SERVIÇO: SAMBA DA FEIRA CONVIDA FUNDO DE QUINTAL
Armazém do Engenhão - R. José dos Reis, 189 - Engenho de Dentro, Rio de Janeiro. Data: 3 de agosto. Horário: 17h. Classificação Livre. Capacidade: 2500 pessoas. Grátis. www.facebook.com/sambanafeiracombororo  

Deixe um comentário

 

 

Entrevistas

Luiz Carlos Bruno: “Quero voltar a trabalhar para fechar o portão com sabor de dever realizado”

Luiz Carlos Bruno:...

Por Ricardo MaiaFotos: arquivo pessoal A paixão de Luiz Carlos Bruno...

Juarez Carvalho, o Titio das baianas da Tijuca

Juarez Carvalho, o...

Por Ricardo Maia Desde 1999 na Unidos da Tijuca, Juarez Carvalho...

Zezinho Martinez: “As escolas juntas seriam muito mais fortes”

Zezinho Martinez: “As...

Por Vander Fructuoso O presidente da Liga das Escolas de Samba...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Carnaval pelo Brasil

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Faltando exatos seis dias para o início do desfile do Carnaval Paulistano, na manh&at...

 

icone instagram

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper