Wip lojas

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

http://templatesjoomla.com.br/
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

Apesar do forte calor, foliões lotam mais uma vez o Sambódromo e vibram com União da Ilha, Império Serrano e Imperatriz Destaque

Publicado em Grupo Especial
Domingo, 24 Fevereiro 2019 03:01

Por Luis Leite

Fotos: Daniel Pinheiro, Léo Cordeiro e Wellington Jorge/Divulgação

A cidade já está em clima de folia

Sanfoneiro puxa o fole!

A primeira escola na noite de sábado a abrir os ensaios técnicos, na Marquês de Sapucaí, foi a União da Ilha do Governador, que veio com espírito nordestino, misturando forró com samba. Por sua vez, animou o público, que em massa compareceu à Passarela do Samba desse fim de semana.

O enredo "A peleja poética entre Rachel e Alencar no avarandado do céu”, desenvolvido pelo carnavalesco Severo Luzardo, retrata a história, a cultura e a arte popular do Ceará.

Comissão de frente, dirigida pelo coreógrafo Leandro Azevedo, mostrou uma prévia do que vai ser no desfile oficial. Além do figurino bem projetado e adequado ao enredo.52661057 268815484017303 2590890191828811776 n

O primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Phelipe Lemos e Dandara Ventapane, mostrou excelente entrosamento e uma apresentação segura em frente às cabines de jurados. A dupla esbanjou muita simpatia e leveza na dança.53065762 1862461627191287 3207628425879617536 n52843690 1263856660432647 7110868264665743360 n52757194 429878031082374 4865582374475268096 n

Mesmo com as falhas do sistema de som na avenida, durante o seu percurso, componentes, com muita garra, cantaram o samba sem grandes oscilações, garantindo uma boa harmonia conduzida pela voz do intérprete Ito melodia, que também deu um show à parte.    52913803 361071698079476 3493385253056151552 n 

A tricolor Insulana fez um desfile alegre, solto e empolgante, embalados pela a Baterilha dos estreantes mestres Keko Araujo e Marcelo Santos. Eles ousaram de várias paradinhas com triângulo em ritmo de xote e baião, fazendo a plateia delirar.53001476 543322419496205 2473289241325469696 n52653781 2231318803774540 2513757342311383040 n1

Vixi Maria!

A rainha de bateria Gracyanne Barbosa, com toda sua beleza,além de exibir seu corpo sarado,foi a grande atração da noite. Com um figurino representado o sol, a beldade caiu no samba e também no forró.52853968 551728911980494 5015355022322434048 n52918078 265295431029576 1634996906016899072 n52605518 308449006693224 3037570763457560576 n53111242 2142191395816765 3407046269988765696 n

A União da Ilha do Governador será a quarta escola a desfilar na segunda-feira de carnaval, na passarela do samba.

 

Viver não ter a vergonha de ser feliz            

O Império Serrano, que veio logo em seguida, contagiou o público presente na Sapucaí com o enredo “O que é, o que é?”, em homenagem ao sucesso do cantor e compositor Gonzaguinha.

Integrantes da escola conseguiram evoluir muito bem, no entanto no decorre do desfile, mesmo tendo como ponto alto o refrão, faltou o canto o forte de algumas alas, que era possível perceber quem nem todos estavam com a letra do samba na ponta da língua.

Comissão de frente apresentou durante o desfile uma coreografia simples, com movimentos teatrais, apenas para entreter o público.

O casal de mestre-sala e porta-bandeira, Verônica Lima e Diogo Jesus, conduziu muito bem o pavilhão, em boa sincronia, com passos precisos e graciosos no bailado.

A bateria “Sinfônica do Samba”, comandada por mestre Gilmar, desenvolveu muito bem o seu papel, mantendo um afinação equilibrada. Foi um dos grandes destaques, com paradinhas e bossas executadas com perfeição, inspiradas nas batidas do coração.

De volta ao posto de rainha de bateria, a atriz e dançarina Quitéria Chagas brilhou à frente dos ritmistas da verde e branco. Entre os agogôs e o rufar das caixas, a mulata, com todo seu requebrado, mostrou muito samba no pé.52849919 3179959305362873 4876105701480464384 n52611735 835525096790607 7281234829725663232 n53032358 1680063068759905 8087625565298753536 n

O Império Serrano será a primeira escola a desfilar no domingo de carnaval, na Marquês de Sapucaí.

 

Quero renda na baiana,nota dez na bateria

A Imperatriz encerrou a noite em grande estilo com enredo “Me dá um dinheiro ai”. A Verde e Branco de Ramos fez um desfile empolgante e bastante animado, brindando o público na Sapucaí.

Destaques para a bateria Swing da Leopoldina, de mestre Lolo, que teve um ótimo desempenho na avenida. Ele manteve uma boa cadência adequada ao samba o tempo todo.52800515 2252655684792380 3734542091859001344 o

A comissão de frente também fez bonito, apresentou uma coreografia bastante sincronizada, arrancando os aplausos das arquibancadas.

A bela apresentação do primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Thiago Mendonça e Rafaela Theodoro, também ajudou para colocar a performance da escola em altíssimo nível.

Última modificação em Quarta, 27 Fevereiro 2019 00:09

Itens relacionados (por tag)

  • Rainha de Bateria, Caroline Lima exibe boa forma em evento da União de Jacarepaguá

    Por Luis Leite

    O Domingo foi de muito samba no pé para Caroline Lima, a rainha de bateria da União de Jacarepaguá. A majestade prestigiou o evento da escola que recebeu as coirmãs campeãs de 2019, Estácio de Sá e Vigário Geral, e ainda realizou sua festa de São Jorge. Entrosada com os ritmistas, Carol sambou à frente da bateria Ritmo União até o final da noite.

    Para a ocasião a beldade optou por um look dourado, do Ateliê Rodriguez, composto por um cropped com transparência, contendo detalhes com dentes de marfim e um micro shorts que valorizou ainda mais as pernas torneadas e saradas da morena.

    Apesar de aparentar pronta para o carnaval 2020, Carol garante que irá intensificar os treinos e contará com procedimentos estéticos para arrasar ainda mais no próximo desfile da escola que terá como o enredo "Quilombo Jacarepaguá".

  • Morre Tia Maria do Jongo da Serrinha

    Por Luis Leite

    Morreu na manhã deste sábado (18), aos 98 anos, a Tia Maria do Jongo, uma das principais responsáveis por manter a tradição do ritmo africano no Brasil.  Ela era a única fundadora viva da escola de samba Império Serrano.  A verde e branco nasceu no quintal de sua casa.

    Maria de Lourdes Mendes estava na sede Casa do Jongo, no Morro da Serrinha, em Madureira, quando passou mal e foi levada para o posto de atendimento médico (PAM) de Irajá, na Zona Norte do Rio, onde veio a falecer.

    Na última terça-feira (14), Tia Maria recebeu o Prêmio Sim à Igualdade Racial 2019, do Instituto Identidades do Brasil, na categoria Arte em Movimento, em cerimônia no Copacabana Palace.

    A causa da morte, o velório e sepultamento ainda não foram divulgados.

     



  • Morre a cantora Beth Carvalho

    Texto e foto: Luis Leite

    Morreu aos 72 anos, no final da tarde desta terça-feira (30), no Rio de Janeiro, a cantora e compositora Beth Carvalho.  Ela estava internada desde o dia 8 de janeiro, no Hospital Pró-Cardíaco, em Botafogo, Zona Sul da cidade.  Em nota, o hospital informou que a causa da morte foi em decorrência de infecção generalizada.  A Madrinha do Samba enfrentava graves problemas de coluna.  

    O velório da sambista será realizado nesta quarta-feira (1º), a partir das 10h da manhã, no Salão Nobre da sede do Clube Botafogo de Futebol e Regatas, time para o qual Beth torcia.   Às 16h, o corpo seguirá em cortejo, com carro do Corpo de Bombeiros, para o Crematório do Caju, onde ocorrerá cerimônia apenas amigos e familiares.

    Elizabeth Santos Leal de Carvalho, mais conhecida como Beth Carvalho, um dos maiores nomes do samba no Brasil, nasceu no Rio de Janeiro em 5 de maio de 1946, começou a carreira musical aos 8 anos de idade após ganhar da mãe um violão, teve como influências Sílvio Caldas, Elizabeth Cardoso e Aracy de Almeida.  Na adolescência, cantava bossa nova e outros ritmos em festas e, para ajudar a família, após o pai ser perseguido na ditadura por seus pensamentos de esquerda, passou a dar aula de música.

    Na adolescência, inspirada pela bossa nova, começou a tocar violão e virou professora de música.... - Veja mais em https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/04/30/morre-aos-72-anos-a-sambista-beth-carvalho.htm?cmpid=copiaecola

    Desde que começou a fazer sucesso, na década de 1970, Beth se tornou uma das maiores intérpretes do gênero, frenquentadora assídua do Cacique de Ramos ajudou a revelar nomes como Luiz Carlos da Vila, Jorge Aragão, Mauro Diniz, Arlindo Cruz, Sobrinha, Zeca Pagodinho, Almir Guineto,  e o grupo Fundo de Quintal.

    Seu primeiro sucesso foi Andança, de Edmundo Souto, Paulinho Tapajós e Danilo Caymmi, que ela defendeu no Festival Internacional da Canção, em 1968, e com o qual conseguiu o 3º lugar.   A música também deu título ao seu primeiro LP, que foi lançado em 1969.  Emendou outros sucessos na sua voz, como o hino Vou Festejar, e eternizou Coisinha do Pai.  Gravou Folhas Secas, com Nelson Cavaquinho, e As Rosas Não Falam, de Cartola.

    Mangueirense de coração, foi homenageada por outras escolas de samba.  Em 1984 foi tema de enredo da Unidos do Cabuçú, "Beth Carvalho, a Enamorada do Samba", a agremiação foi campeã  e subiu para o Grupo Especial.   Recebeu da Velha Guarda da Portela uma placa comemorativa por  ter sido a cantora que mais gravou seus compositores.

    Beth Carvalho vinha enfrentando um drama pessoal desde 2010, ela sofreu uma fissura no sacro, um osso localizado na base da coluna vertebral. Devido a esse problema,provocado por uma artrose no fêmur, Beth passou a se apresentar deitada em uma cama, sem poder nem se sentar ou andar.

     

    Em nota, o hospital informou que a causa foi infecção generalizada (sepse).... - Veja mais em https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/04/30/morre-aos-72-anos-a-sambista-beth-carvalho.htm?cmpid=copiaecola
    Em nota, o hospital informou que a causa foi infecção generalizada (sepse).... - Veja mais em https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/04/30/morre-aos-72-anos-a-sambista-beth-carvalho.htm?cmpid=copiaecola
    Em nota, o hospital informou que a causa foi infecção generalizada (sepse).... - Veja mais em https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/04/30/morre-aos-72-anos-a-sambista-beth-carvalho.htm?cmpid=copiaecola
    Em nota, o hospital informou que a causa foi infecção generalizada (sepse).... - Veja mais em https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2019/04/30/morre-aos-72-anos-a-sambista-beth-carvalho.htm?cmpid=copiaecola

     

Deixe um comentário

 

 

Entrevistas

Luiz Carlos Bruno: “Quero voltar a trabalhar para fechar o portão com sabor de dever realizado”

Luiz Carlos Bruno:...

Por Ricardo MaiaFotos: arquivo pessoal A paixão de Luiz Carlos Bruno...

Juarez Carvalho, o Titio das baianas da Tijuca

Juarez Carvalho, o...

Por Ricardo Maia Desde 1999 na Unidos da Tijuca, Juarez Carvalho...

Zezinho Martinez: “As escolas juntas seriam muito mais fortes”

Zezinho Martinez: “As...

Por Vander Fructuoso O presidente da Liga das Escolas de Samba...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Blocos

Carnaval pelo Brasil

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Faltando exatos seis dias para o início do desfile do Carnaval Paulistano, na manh&at...

 

icone instagram

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper