Wip lojas

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

http://templatesjoomla.com.br/
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

Mudança na organização dos desfiles da Série E do Carnaval Carioca Destaque

Publicado em Série E
Sexta, 29 Junho 2018 14:45
Mudança na organização dos desfiles da Série E do Carnaval Carioca Divulgação

Por Luis Leite

A diretoria da Liesb (Liga Independente das Escola de Samba do Brasil) informa que os desfiles da Série E do Carnaval do Rio de Janeiro não mais serão organizados pela entidade, mas sim pela ACAS (Associação Cultural Amigos do Samba).

A plenária realizada na tarde desta quinta-feira (28) na sede da Liesb, confirmou a alteração que visa uma ação exclusiva, buscando mecanismos financeiros com maior foco e importância a todas as agremiações que integram o grupo.

Os desfiles da Grupo E do Carnaval Carioca acontecem sempre no 'Sábado das Campeãs', que em 2019 ocorrerá no dia 09/03/2019, na Estrada Intendente Magalhães.

Última modificação em Sexta, 29 Junho 2018 14:51

Itens relacionados (por tag)

  • Morre Eduardo Pinho de Magalhães, carnavalesco da Vicente de Carvalho

    Por Luis Leite

    Morreu na madrugada deste sábado (11), após sofrer um grave acidente de moto na Avenida Brasil, o carnavalesco Eduardo Pinho de Magalhães, de 46 anos.

    Eduardo estava na garupa de uma motocicleta quando foi atingido por um carro em alta velocidade, no sentido Zona Oeste, na altura de Bangu. Eduardo Pinho e o condutor morreram no local.

    Ele, como carnavalesco, passou por diversas escolas de samba, tais como: Acadêmicos do Sossego, Sereno de Campo Grande, União de Vaz Lobo, Lins Imperial, Unidos de Lucas, Boca de Siri e por último a Vicente de Carvalho, onde começou sua carreira artística em 2003 como aderecista.

    Pinho também atuou como diretor de carnaval do Império Serrano e foi coordenador e fundador do Prêmio Samba na Veia em 2012.

    O velório e o sepultamento será na terça-feira (13), à partir das 14h, no Cemitério do Irajá, na Zona Norte do Rio.

  • Definida a ordem dos desfiles do Grupo Especial para o Carnaval 2020

    Por Luis Leite

    A Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) definiu, na noite desta quinta-feira (18), a ordem dos desfiles do Grupo Especial para o Carnaval 2020.

    O sorteio foi realizado na sede da entidade, na Praça Mauá, Centro do Rio, apenas para dirigentes, representantes das agremiações e imprensa.

    A Estácio de Sá, atual campeã do Grupo de Acesso A, será a primeira escola a desfilar na Marquês de Sapucaí no domingo, dia 23 de fevereiro.  Já a Beija-Flor de Nilópolis encerrará os desfiles na segunda-feira de folia.

    Concentração:
    Escolas de ordem ímpar - Cedae/ Correios
    Escolas de ordem par - Balança Mas Não Cai


    Confira a ordem dos desfiles:

    Domingo  23/02

    1 – Estácio de Sá
    2 – Unidos do Viradouro
    3 – Estação Primeira de Mangueira
    4 – Paraíso do Tuiuti
    5 – Grande Rio
    6 – União da Ilha
    7 – Portela

    Segunda-feira  24/02

    1 – São Clemente
    2 – Vila Isabel
    3 – Salgueiro
    4 – Unidos da Tijuca
    5 – Mocidade Independente de Padre Miguel
    6 – Beija-Flor de Nilópolis

     

  • Virada de mesa: Imperatriz Leopoldinense permanece no Grupo Especial em 2020

    Texto e foto: Luis Leite

    Em plenária realizada na noite desta segunda-feira (3), na sede da Liga Independente das Escolas de Samba do Rio de Janeiro (Liesa), dirigentes das agremiações decidiram  manter a Imperatriz Leopoldinense no Grupo Especial.  A escola de Ramos foi a penúltima colocada no Carnaval 2019 e pelo regulamento deveria ser rebaixada para o Grupo de Acesso.

    O presidente da Liesa, Jorge Castanheira, pediu seu desligamento do cargo por não concordar com a medida.

    Com a decisão a Liga  terá que pagar uma multa de R$ 750 mil, conforme o acordo assinado com o Ministério Público após a virada de mesa no Carnaval 2018.

    Após reunião que tinha como objetivo debater prestação de conta deste ano e o orçamento para 2020, presidentes de oito escolas foram a favor da manutenção da Imperatriz no Grupo Especial, enquanto cinco votaram contra.

    Votaram a favor da permanência: São Clemente, Paraíso do Tuiuti, Estácio de Sá, Grande Rio, União da Ilha, Salgueiro, Mocidade e Unidos da Tijuca.

    Votaram contra a permanência: Mangueira, Beija-Flor, Portela, Unidos do Viradouro e Vila Isabel.

    Já o Império Serrano, que ficou em 14° lugar no carnaval deste ano, não foi salvo e é a única escola rebaixada para a Série A no ano que vem.

Deixe um comentário

 

 

Entrevistas

Luiz Carlos Bruno: “Quero voltar a trabalhar para fechar o portão com sabor de dever realizado”

Luiz Carlos Bruno:...

Por Ricardo MaiaFotos: arquivo pessoal A paixão de Luiz Carlos Bruno...

Juarez Carvalho, o Titio das baianas da Tijuca

Juarez Carvalho, o...

Por Ricardo Maia Desde 1999 na Unidos da Tijuca, Juarez Carvalho...

Zezinho Martinez: “As escolas juntas seriam muito mais fortes”

Zezinho Martinez: “As...

Por Vander Fructuoso O presidente da Liga das Escolas de Samba...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Carnaval pelo Brasil

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Ex Panicat Tânia Oliveira posa para o Carnaval e fala sobre ansiedade

Faltando exatos seis dias para o início do desfile do Carnaval Paulistano, na manh&at...

 

icone instagram

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper