Wip lojas

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

http://templatesjoomla.com.br/
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

Diretores de carnaval – Jorge Ripper

Publicado em Entrevistas

Foto: arquivo pessoal por Felipe Araujo

 

OBatuque.com - O que o público pode esperar da sua escola?
Jorge Ripper
- Sem dúvida o público verá uma escola bem definida na sua proposta de enredo. O nosso ponto alto será o entusiasmo que esta comunidade vem apresentando em nossos ensaios.

OBatuque.com - Vocês usarão alguma estratégia especial de harmonia e evolução? O que espera conseguir com essa estratégia?
Jorge Ripper
- Este ano não teremos os chamados coordenadores de alas, mudamos o conceito de trabalho no intuito de fazer com que a harmonia esteja mais conectada ao componente, e a vibração dos harmonias é que vai servir de espelho para nosso componente.                                                                                                                                                                                                                             

OBatuque.com - Qual de suas alegorias vai chamar mais a atenção do público? Por quê?
Jorge Ripper
- Acredito que o carro do espelho irá chamar bastante atenção, pois reflete uma história passando de geração para geração.

OBatuque.com - Qual seria a sua ala de destaque? Pelo figurino ou pela coreografia?
Jorge Ripper
- Ala que será destaque, na minha opinião, é a ala 5 que será uma ala coreografada da Portela, do Valci Pelé, e a ala 1, que é uma ala insulana, da União da Ilha. Eles têm um forte canto e uma empolgação muito grande. Por isso, eu as coloco como as alas de destaques do desfile, logo na cabeça da escola. Uma pelo canto e a outra pela coreografia.

OBatuque.com - Em razão da retirada da torre, os carros este ano tendem a vir mais altos, sobretudo as que se concentram do lado dos Correios. A sua escola, que se concentra pelo lado do Balança, onde existe o viaduto que fez muitas escolas perderem pontos em alegoria, virá com os carros mais altos ou no mesmo padrão dos outros anos?
Jorge Ripper
- Quanto aos carros, todos virão, mais ou menos, no mesmo padrão do ano passado. O nosso abre-alas, com o nosso destaque, vai a 8 metros de altura, os outros estão na faixa de 7 metros. Eu sei que a gente tem um risco, um trabalho mais complicado, mas eu pretendo manter o mesmo padrão dos carros.

OBatuque.com - Devemos ficar atentos a alguma inovação fora do tradicional?
Jorge Ripper
- Inovação na Cubango é que depois de muito tempo, nós voltaremos com a ala das crianças. Teremos cem crianças na ala 13. Acho que uma escola que precisa rejuvenescer e renovar, precisa de crianças de base, para que a gente possa fazer crescer e fazer com que elas tenham o verde e branco da Cubango. Então a inovação serão as crianças que há um bom tempo já não desfilavam.

Itens relacionados (por tag)

  • Estácio promove ciclo de palestras em homenagem aos 90 anos da escola

    Por Marta Almeida

    A primeira escola de samba do Brasil, a Estácio de Sá, está comemorando 90 anos de existência. Pensando nessa data tão importante, o Departamento Cultural da vermelho e branco promove um ciclo de palestras para contar essa história, que acontecerá uma vez por mês, a partir do dia 10 de maio, próxima quarta-feira, na quadra da escola.
    Uma série de encontros, com mesas redondas, com o intuito de relembrar tantos momentos vividos pela agremiação. O tema da primeira roda será as escolas que deram origem ao berço do samba, que contará com nomes de peso, como Adilson Almeida, herdeiro de seu Bacural, um dos fundadores da Unidos de São Carlos e oriundo da Vê se Pode, com recordações fascinantes dos antigos desfiles.
    O encontro terá início às 20h e é aberto ao público e um convite aos componentes da agremiação, pesquisadores e sambistas, que queiram se aprofundar na história viva do samba e da própria Estácio de Sá.
    A mediação será feita por Yuri Eiras, estudante de jornalismo e um dos integrantes do departamento cultural da escola, e as atividades irão até agosto.
    A quadra da Estácio fica na Avenida Salvador de Sá, 206, Cidade Nova, Rio de Janeiro.

     


    Blog da Martinha

     

     

  • Estácio promove ciclo de palestras em homenagem aos 90 anos da escola

    Por Marta Almeida

    A primeira escola de samba do Brasil, a Estácio de Sá, está comemorando 90 anos de existência. Pensando nessa data tão importante, o Departamento Cultural da vermelho e branco promove um ciclo de palestras para contar essa história, que acontecerá uma vez por mês, a partir do dia 10 de maio, próxima quarta-feira, na quadra da escola.


    Uma série de encontros, com mesas redondas, com o intuito de relembrar tantos momentos vividos pela agremiação. O tema da primeira roda será as escolas que deram origem ao berço do samba, que contará com nomes de peso, como Adilson Almeida, herdeiro de seu Bacural, um dos fundadores da Unidos de São Carlos e oriundo da Vê se Pode, com recordações fascinantes dos antigos desfiles.


    O encontro terá início às 20h e é aberto ao público e um convite aos componentes da agremiação, pesquisadores e sambistas, que queiram se aprofundar na história viva do samba e da própria Estácio de Sá.


    A mediação será feita por Yuri Eiras, estudante de jornalismo e um dos integrantes do departamento cultural da escola, e as atividades irão até agosto.


    A quadra da Estácio fica na Avenida Salvador de Sá, 206, Cidade Nova, Rio de Janeiro.

     



    Blog da Martinha

     

     

  • União da Ilha comemora Dia de São Jorge neste domingo

    A programação para comemorar o Dia de São Jorge neste domingo será intensa na quadra da União da Ilha. A agremiação insulana preparou para os fiéis do "Santo Guerreiro" uma programação que contará com missa, queima de fogos, feijoada, velha guarda musical da escola, apresentação do novo coreógrafo da comissão de frente, Márcio Moura, shows dos grupos "Samba do Amigo Meu" e Dudu Nobre, Pique Novo e do cantor Belo. Para fechar o dia com chave de ouro, bateria do mestre Ciça, Ito Melodia e o carro de som com sambas inesquecíveis da Ilha, passistas, baianas e casais de mestre-sala e porta-bandeira


    Confira a programação que ocorrerá o dia todo:

    11h - Missa no interior da quadra;

    em seguida: 

    tradicional queima de fogos no estacionamento da quadra;

    feijoada na quadra;

    show da Velha Guarda musical;

    show do grupo Samba do Amigo Meu e Dudu Nobre;

    show do grupo Pique Novo;

    show do cantor Belo;

    bateria do Mestre Ciça e Ito Melodia com sambas inesquecíveis.

Deixe um comentário

 

 

Entrevistas

Zezinho Martinez: “As escolas juntas seriam muito mais fortes”

Zezinho Martinez: “As...

Por Vander Fructuoso O presidente da Liga das Escolas de Samba...

Marcelinho Emoção explica a venda de 13 alas comerciais na Vila

Marcelinho Emoção explica...

Por Ricardo MaiaFoto: Eduardo Hollanda Nos últimos anos, as escolas...

Ciganerey: do Engenho da Rainha para a Estação Primeira

Ciganerey: do Engenho...

Equipe OBatuque.comFotos: Marcelo Moura O nome de batismo é Paulo...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Blocos

Carnaval pelo Brasil

Tucuruvi anuncia André Oliveira como coreógrafo da Comissão de Frente

Tucuruvi anuncia André Oliveira como coreógrafo da Comissão de Frente

Foto: Renato Cipriano A escola de samba Acadêmicos do Tucuruvi, do Grupo Especial do carn...

 

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper