Wip lojas

Móveis pelo menor preço! 
www.movelcasa.com.br
Parcele seus móveis em até 12x Sem Juros

http://templatesjoomla.com.br/
Templatee Joomla Profissional!
Templates a partir de R$ 9,90.

Junior Fionda

Publicado em Entrevistas

Foto: arquivo pessoal

 

OBatuque.com - O que o público pode esperar do Império Serrano?
Junior Fionda
- Quando eu era apenas o compositor da Mangueira, antes de me envolver com o Império, eu já esperava tudo do Império, pela força do seu pavilhão, as estrelas da sua bandeira e pela garra da nossa comunidade, então acho que sempre, sempre vão esperar tudo do Império Serrano e este ano, mesmo com muita dificuldade e crise geral, estamos fazendo todo o possível para levarmos a escola de volta ao Grupo Especial.

OBatuque.com - Qual será o ponto alto do seu desfile?
Junior Fionda
- O ponto alto do nosso desfile é a junção da história cantada e olhada. Apostamos numa leitura perfeita entre ambos, tanto em fantasia quanto em alegoria, tudo será representado pelo samba-enredo, e é claro, também apostamos numa junção de tradição e modernidade.

OBatuque.com - Vocês usarão alguma estratégia especial de harmonia e evolução? O que espera conseguir com essa estratégia?
Junior Fionda
- Apostamos em algumas coisas que são estratégias e não precisam ser confidenciais (risos).

OBatuque.com - Qual de suas alegorias vai chamar mais a atenção do público? Por quê?
Junior Fionda
- O que mais tentamos fazer esse ano foi uma uniformidade nas alegorias, porque entendemos que precisamos deixar o espectador focado e com prazer de assistir ao desfile num todo.

OBatuque.com - Qual seria a sua ala de destaque? Pelo figurino ou pela coreografia?
Junior Fionda
- Eu gosto muito de todas do primeiro setor.

OBatuque.com - Em razão da retirada da torre, os carros este ano tendem a vir mais altos, sobretudo as que se concentram do lado dos Correios. A sua escola, que se concentra pelo lado do Balança, onde existe o viaduto que fez muitas escolas perderem pontos em alegoria, virá com os carros mais altos ou no mesmo padrão dos outros anos?
Junior Fionda
- Os carros virão bem altos. Temos que ter o máximo possível de organização e atenção, porque apostamos na altura também! Mas com muito ensaio e dedicação faremos tudo da melhor maneira possível.

Itens relacionados (por tag)

  • Estácio promove ciclo de palestras em homenagem aos 90 anos da escola

    Por Marta Almeida

    A primeira escola de samba do Brasil, a Estácio de Sá, está comemorando 90 anos de existência. Pensando nessa data tão importante, o Departamento Cultural da vermelho e branco promove um ciclo de palestras para contar essa história, que acontecerá uma vez por mês, a partir do dia 10 de maio, próxima quarta-feira, na quadra da escola.
    Uma série de encontros, com mesas redondas, com o intuito de relembrar tantos momentos vividos pela agremiação. O tema da primeira roda será as escolas que deram origem ao berço do samba, que contará com nomes de peso, como Adilson Almeida, herdeiro de seu Bacural, um dos fundadores da Unidos de São Carlos e oriundo da Vê se Pode, com recordações fascinantes dos antigos desfiles.
    O encontro terá início às 20h e é aberto ao público e um convite aos componentes da agremiação, pesquisadores e sambistas, que queiram se aprofundar na história viva do samba e da própria Estácio de Sá.
    A mediação será feita por Yuri Eiras, estudante de jornalismo e um dos integrantes do departamento cultural da escola, e as atividades irão até agosto.
    A quadra da Estácio fica na Avenida Salvador de Sá, 206, Cidade Nova, Rio de Janeiro.

     


    Blog da Martinha

     

     

  • Estácio promove ciclo de palestras em homenagem aos 90 anos da escola

    Por Marta Almeida

    A primeira escola de samba do Brasil, a Estácio de Sá, está comemorando 90 anos de existência. Pensando nessa data tão importante, o Departamento Cultural da vermelho e branco promove um ciclo de palestras para contar essa história, que acontecerá uma vez por mês, a partir do dia 10 de maio, próxima quarta-feira, na quadra da escola.


    Uma série de encontros, com mesas redondas, com o intuito de relembrar tantos momentos vividos pela agremiação. O tema da primeira roda será as escolas que deram origem ao berço do samba, que contará com nomes de peso, como Adilson Almeida, herdeiro de seu Bacural, um dos fundadores da Unidos de São Carlos e oriundo da Vê se Pode, com recordações fascinantes dos antigos desfiles.


    O encontro terá início às 20h e é aberto ao público e um convite aos componentes da agremiação, pesquisadores e sambistas, que queiram se aprofundar na história viva do samba e da própria Estácio de Sá.


    A mediação será feita por Yuri Eiras, estudante de jornalismo e um dos integrantes do departamento cultural da escola, e as atividades irão até agosto.


    A quadra da Estácio fica na Avenida Salvador de Sá, 206, Cidade Nova, Rio de Janeiro.

     



    Blog da Martinha

     

     

  • Candidatura à presidência do Império Serrano

    Por Marta Almeida

     

    Duas grandes figuras do carnaval carioca lançaram suas candidaturas à presidência do GRES Império Serrano, uma das mais tradicionais escolas de samba da cidade do Rio de Janeiro. É um momento muito importante, onde o foco é impulsionar o “Glorioso” para mais vitórias.

    No dia 20 de abril, foi Vera Lúcia Corrêa de Souza, atual presidente da escola, que tenta a reeleição pela chapa “O Campeão Voltou, Agora é a Vera”. Foi um momento importante para os imperianos, que estiveram na quadra da escola, em Madureira, prestigiando a candidata, que com muito empenho e amor, garantiu o retorno da verde e branco da Serrinha ao Grupo Especial, após oito anos no grupo de acesso.

    Outro que concorre ao cargo de presidência, é o Jorge mais famoso de Madureira, Jorginho do Império, que lançou oficialmente sua campanha no último dia 23, no Centro Esportivo Gol de placa, na Praça Seca. A chapa do candidato é a "Juntos, agarrados, embolados e misturados Império de verdade".

    Na ocasião houve uma festa, onde foi servido um coffe break para a imprensa, que antecedeu a apresentação da proposta de campanha e a equipe que estará na administração da presidência de Jorginho.

    O cantor Jorge Antônio Carlos é filho de Mano Décio da Viola, um dos fundadores do Império Serrano e foi o puxador do samba em homenagem ao sociólogo Herbert de Souza, “Verás que um filho teu não foge à Luta”, de 1996, que rendeu à verde e branco, a sexta colocação.

    O consagrado artista também tem uma carreira internacional, que inclui shows em vários países, como Hong Kong, Argentina, França e Japão. Gravou 21 LPs e três CDs durante a sua carreira.

Deixe um comentário

 

 

Entrevistas

Zezinho Martinez: “As escolas juntas seriam muito mais fortes”

Zezinho Martinez: “As...

Por Vander Fructuoso O presidente da Liga das Escolas de Samba...

Marcelinho Emoção explica a venda de 13 alas comerciais na Vila

Marcelinho Emoção explica...

Por Ricardo MaiaFoto: Eduardo Hollanda Nos últimos anos, as escolas...

Ciganerey: do Engenho da Rainha para a Estação Primeira

Ciganerey: do Engenho...

Equipe OBatuque.comFotos: Marcelo Moura O nome de batismo é Paulo...

Escolas Mirins

Samba de Raiz

Pagode

Blocos

Carnaval pelo Brasil

Pelotas tem seu "Dia do Samba"

Pelotas tem seu "Dia do Samba"

A partir desse ano, a cidade gaúcha - Pelotas - passará a comemorar o "D...

 

icone instagram

Book OBatuque

Extras

fotos

JoomShaper